ohm08_logo_anim3.gif
IMPRESS | COR DO ANO 2022

Este ano a nossa equipe, juntamente com o time da Impress Decor, teve uma enorme oportunidade de levar alguns insights sobre o novo estudo de cores da empresa.

Toda vez que falamos em cor estamos nos propondo a traduzir tendências, o espírito de um determinado tempo - neste caso, do ano de 2022 - e representá-lo através de cores.


ALMA, transita entre tons de lilás e azuis, um tanto acinzentados, como algo que não pode ser definido ao certo. Uma cor de personalidade forte, e bastante inovadora no mercado. Transmite justamente a fluidez entre tons, passando a sensação de contato com algo mais abstrato e em conexão com nosso universo particular. Ao mesmo tempo, tem também um toque tecnológico muito presente, principalmente se associada a acabamentos diferenciados.

Podemos dizer talvez, que somos feitos de uma mistura entre algo etéreo, invisível - nossa alma, e algo que nos concretiza e nos torna matéria - nosso corpo. Ambos onipresentes em cada momento no nosso dia a dia, na sutileza das coisas simples e na grandiosidade de nossas paixões.

Desta gestação de ideias e interconexões, nasceram os resultados materializados em Cor do Ano 2022: ALMA e a paleta complementar MESCLA.


Uma paleta versátil e diversa, que abrange tons claros que vão do bege, passando pelos tons mais terrosos, até chegar em marrons mais profundos. São cores com uma proposta comercial, mas que não deixam de lado a sofisticação e formam um complemento perfeito à nossa cor do ano principal, possibilitando uma infinidade de combinações belíssimas.

A cor central e todas as suas nuances aparecem acompanhadas por uma paleta complementar, MESCLA, que representa a diversidade imensa por onde alma transita, se mistura e se completa.

O indivíduo contemporâneo foi transportado para uma sociedade cada vez mais complexa: o digital, o psíquico, o micromolecular, o cósmico, o espiritual, o neuroquímico... estas, entre tantas outras esferas, alimentam ideias e inspiram vidas cotidianamente, em constante movimento e fluidez. Pessoas precisam ser interpretadas e reconhecidas como indivíduos cuja identidade não é única nem estática, e sim multifacetada.